Flávio Carneiro
Release
Obra
ReleaseTrecho
Entre o cristal e a chama: ensaios sobre o leitor

Rio de Janeiro
EdUERJ, 2001. 182 p.

Numa linguagem clara, acessível ao leitor comum, a obra mistura ensaio e ficção numa ousada aventura pelos mundos da escrita e da leitura.
Entre o cristal e a chama: ensaios sobre o leitor
O livro tem duas partes. Na primeira, "Breve passeio pelos bosques da leitura", temos um mapeamento de diversas teorias sobre o tema, numa espécie de panorama que engloba desde as digressões filosóficas de Sêneca até pensadores contemporâneos, como Foucault, Barthes, Eco. O ponto de partida para o recorte desses autores e para a montagem final do texto é a relação entre o ato de ler e o de escrever.
A segunda e mais extensa parte, "Caderno de leitura", compreende trinta ensaios curtos sobre o leitor. O autor selecionou, de contos e romances diversos, de várias nacionalidades, alguns personagens-leitores, ou seja, personagens em situações de leitura - de um livro, de um rosto, de uma cidade. A lista é variada, incluindo, entre outros: o detetive Dupin, de Edgar Allan Poe; o médico do conto "Famigerado", de Guimarães Rosa; Rita e Camilo, do conto "A cartomante", de Machado de Assis. Alguns são leitores do texto literário, como o personagem do conto "Continuidade dos parques", de Julio Cortázar, outros lêem o texto escrito nas ruas da cidade, como Augusto Epifânio, de Rubem Fonseca, e outros são invenções do próprio Flávio, criando variações sobre um personagem apresentado apenas como Leitor.
Com esse curioso "Caderno", o que se tem é um verdadeiro álbum de retratos, em que aparecem vários tipos de leitor, tomados de empréstimo a obras literárias ou saídos da imaginação do autor.
Onde Encontrar


Americanas.com
Livraria Cultura
Livraria Saraiva
Livraria Siciliano
Submarino


Outras Publicações







Voltar